domingo, 31 de maio de 2009

.

Hoje é o Dia Mundial de Luta contra o Tabaco
.
.
INFORMAÇÕES IMPORTANTES
.
*No Brasil, 1/3 da população adulta fuma
*Mais comum das dependências
*50% dos fumantes morrerão em função do cigarro
4.000.000 de mortes/ano
*Um litro de leite materno pode conter até 1 mg de nicotina
*Redução de fumantes em países do primeiro mundo

.

.
Na fumaça do cigarro ou derivados estão presentes 4.720 substâncias tóxicas. Entre elas, o monóxido de carbono que provoca má oxigenação, o alcatrão que é cancerígeno e a nicotina que causa dependência. Contém também urânio, plutônio, tório e polônio-210 (e mais outras 60 substâncias também radioativas).
.
O cigarro tem muito mais do que nicotina e alcatrão.
A cada tragada o fumante ingere um coquetel
de substâncias químicas que fazem mal
e que os fabricantes não mostram.
Veja abaixo algumas das substâncias que o cigarro
contém, altamente nocivas à saúde.
Fique esperto!
O cigarro é droga, causa dependência e mata.
.
Amônia e seus derivados - uréia, nitrato de amônio e outros - são usados na agricultura como fertilizantes. Também é componente de vários produtos de limpeza, por exemplo, produto de limpeza de banheiro. Outro produto derivado da amônia é o ácido nítrico. A amônia é usada pelos fabricantes para aumentar a absorção da nicotina.
.
Pólvora -Esplosivo que provoca tosse, falta de ar e até câncer, a pólvora é adicionada ao cigarro para facilitar a queima.
.
Acetato de Chumbo - Na Roma Antiga, devido à escassez de adoçantes além do mel, muitos ferviam suco de uva em potes de chumbo para a produção de um xarope de açúcar chamado sapa. Este era usado para adoçar o vinho e frutas. Existe a suspeita de que seu consumo excessivo tenha causado intoxicação, provocando insanidade e morte em várias figuras do Império Romano. Como qualquer composto de chumbo, o acetato de chumbo é altamente tóxico. Se inalado ou ingerido atrapalha o crescimento, causa dor de cabeça e pode gerar câncer.
.
Formol - O formol é tóxico quando ingerido, inalado ou quando entra em contato com a pele, por via intravenosa, intraperitoneal ou subcutânea. Em concentrações de 20 ppm (partes por milhão) no ar causa rapidamente irritação nos olhos. Sob a forma de gás é mais perigoso do que em estado de vapor. Carcinogenicidade (avaliação do potencial cancerígeno): Em quatro instituições internacionais de pesquisa foi comprovado o potencial carcinogênico do formaldeido.Em 1995, a Agência Internacional de Pesquisa em Câncer (IARC) classificou este composto como sendo carcinogênico para humanos (Grupo 1, julho 2004), tumorogênico, teratogênico por produzir efeitos na reprodução para humanos. Em estudos experimentais, demonstraram ser também para algumas espécies de animais.Agência de Proteção Ambiental (EPA), dos EUA: “O composto foi avaliado pelo grupo de avaliação de carcinogenicidade da ACGIH e foi considerado suspeito de causar câncer em humanos “.Associação de Saúde e Segurança Ocupacional (OSHA), dos EUA: considera que o agente é suspeito de causar câncer para humanos.O Programa Nacional de Toxicologia dos EUA (Fourth Annual Report on Carcinogens) de 1984 considerou que o formaldeído é um agente cancerígeno nas seguintes doses para ratos: por via oral, 1170 mg/kg/; por via dérmica 350 mg/kg e por via inalatória 15 ppm/6 horas. Usado para conservar cadáveres, provoca câncer no pulmão, problemas respiratórios e gastrointestinais.
.
Methoprene - Inseticida usado como antipulgas. provoca irritação na pele e lesões no aparelho respiratório.
.
Cádmio - É um dos metais mais tóxicos, que causa danos aos rins e ao cérebro. A toxicidade que apresenta é similar a do mercúrio. Presente em pilhas e baterias.
.
Acetona - É um líquido incolor de odor e sabor fáceis de distinguir. Evapora facilmente, é inflamável e solúvel em água. A acetona é utilizada como solvente em esmaltes, tintas e vernizes. Possui emprego na indústria de explosivos como gelatinizante da pólvora sem fumaça (nitrocelulose). Causa irritação na pele, na garganta e dor de cabeça.
.
Naftalina - A naftalina usada antigamente como agente antitraça, é um composto de partida para o fabrico de muitos produtos químicos, como por exemplo o ácido ftálico, corantes, plásticos, solventes e derivados halogenados da naftalina (insecticidas, fungicidas e impregnantes para madeira).Veneno empregado para afastar baratas. O contato prolongado ataca os rins e os olhos.
.
Xileno - É usado como solventes e precursor de outros produtos químicos, sendo encontrados no alcatrão e no petróleo. Cancerígeno presente em tintas spray. Causa tontura, dor de cabeça e perda da consciência.

.
.
Kamil Yavuz, cartunista
(Istambul, Turquia)
.
.
ESCALA DE FAGERSTRÖM
.
Para caracterização da dependência à nicotina:
0-2 - Muito baixo
3-4 - Baixo
5 - Médio
6 -7 - Elevado
8-10 - Muito elevado
.
Quanto tempo depois de acordar você fuma o
primeiro cigarro? 60’/30-60’/6-30’/<5’
Você tem dificuldade de ficar sem fumar em locais
proibidos? N/S
Que cigarro é mais difícil de evitar? 10/outros
Quantos cigarros você fuma por dia? <10/11->
Você fuma mais nas primeiras horas do dia? N/S
Você fuma mesmo quando está doente? N/S
.
CIGARRO E DOENÇAS
.
*Causa 85% dos canceres de pulmão
*Causa 30% dos demais tipos de câncer
(boca, laringe, esôfago, bexiga, colo de
útero, mama)
*Causa de 20 a 30% dos infartos
*Principal causa de morte evitável em países
industrializados

.
.

.

.
.

.

.

.

.

.

.


.

.



.
.

.


.

.

Depoimento de João Ubaldo Ribeiro

.
.

João Ubaldo Ribeiro é escritor e jornalista. Imortal da Academia Brasileira de Letras. João é considerado o maior romancista brasileiro da atualidade, sendo autor de obras e mais obras de sucesso, tais como, Sargento Getúlio e Viva o Povo Brasileiro. Como um bom baiano, ilhéu de Itaparica, João Ubaldo é um grande contador de causos, papo para tardes inteiras. Neste depoimento à Rádio Pulmão Bom, João Ubaldo nos remete às décadas de 50 e 60 do século passado, trazendo à baila parte do simbolismo e do fascínio que o tabaco exercia sobre os meninos da época. Entretanto, o escritor e amigo não se furta de revelar-nos as conseqüências que a opção pelo ato de fumar trouxe para a sua saúde, fala de sua dificuldade em abandonar a droga nicotina e das ações em sua função respiratória provocadas pelas fumaça dos cigarros. Este depoimento foi enviado para a sua publicação na Rádio Pulmão Bom.

.
Clique e ouça

.

.
.
Com Enfisema Pulmonar, Chico Anísio quer ser cobaia das células-tronco - em entrevista para Simone Miranda, Jornal Extra, 9/07/07
.
.
Efeitos do Cigarro no Corpo
.
De 8 em 8 segundos morre uma pessoa devido ao tabagismo. As pesquisas indicam que as pessoas que começam a fumar na adolescência (como
ocorre em mais de 70% dos casos) e continuam fumando por duas décadas ou mais morrem 20 a 25 anos mais cedo do que aquelas que nunca
acenderam um cigarro. Não é somente o câncer de pulmão ou uma doença do coração que causa graves problemas de saúde e morte. Aqui estão
alguns dos efeitos menos divulgados do uso do fumo – da cabeça aos pés.
.
.
Tratamento:
.

REPOSIÇÃO DE NICOTINA
.
*Goma: 2 ou 4 mg, +/- 12 ao dia, por 3 meses
*Adesivo: 21, 14 e 7
*Spray: até 30 X/dia, por 12 semanas
*Tabletes
.
.

TRATAMENTO FARMACOLÓGICO
.
*Bupropiona: 2 semanas antes, 150 mg, 2 X /dia
*Nortriptilina: 2 semanas antes, 75 a 150 mg/dia
*Clonidina: 0,1 a 0,4 mg/dia
*Buspirona
.
.
OUTRAS POSSIBILIDADES TERAPÊUTICAS
.
*Acupuntura
*Quick puffing
.
.
AVALIAÇÃO PARA TRATAMENTO
.
*Tentativas anteriores
*Situações de risco (afeto negativo e positivo)
*Estratégias de enfrentamento
*História de consumo
*“Gatilhos”
*Avaliação da motivação
Nível de dependência
.
.
NOTÍCIAS:
.
* Luta contra o cigarro chega aos produtos "light".
.
*Lights - Quando a ciência constatou que o cigarro poderia causar câncer, doenças cardíacas e enfisemas, a reação da população fumante foi imediata. A indústria, preocupada com a queda nas vendas, rapidamente introduziu novos produtos no mercado com propostas de serem menos prejudiciais à saúde. Assim surgiram os cigarros lights. Depois de muitas pesquisas, a comunidade científica mundial concluiu que os cigarros lights/suaves e demais produtos do tabaco faziam tão mal à saúde quanto os normais. Os produtos light têm como única diferença os poros do filtro que, mais fechados, fazem com que a fumaça passe em menor quantidade. "A ausência da sensação de garganta irritada era um falso indício da eficácia do cigarro light", explica Tânia Cavalcante. No Brasil, desde 2001, os produtos do tabaco não podem conter na embalagem a palavra light.
.
* Políticas de controle ao Tabagismo, coordenadas pelo Ministério da Saúde, dão destaque ao Brasil como um dos principais países na luta contra o fumo. http://portal.saude.gov.br/portal/saude/visualizar_texto.cfm?idtxt=24168
.
* Segundo a OMS, relação entre o consumo do cigarro e o desenvolvimento de câncer de pulmão chega a 90% dos casos.
.
*Dia Internacional contra o tabaco. No dia Internacional Contra o Tabaco, 31 de maio, o professor do Núcleo de Estudos e Tratamento do Tabagismo (NETT) do Hospital Universitário da UFRJ Alberto José de Araújo fala sobre as causas do fumo, o efeito das campanhas anti-tabagismo no Brasil e a propaganda da indústria do cigarro no mundo.
.
* Evento aberto para público leigo, com objetivo de divulgar para a população informações sobre os efeitos do tabagismo e sobre a doença pulmonar obstrutiva crônica (D.P.O.C.). Serão aplicados questionários às pessoas (fumantes) interessadas e realizados exames espirométricos como uma triagem para o diagnóstico de D.P.O.C.
.
*O dia Mundial de Luta Contra o Tabaco é um evento que promove as estratégias coordenadas pela Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS) e pela Organização Mundial da Saúde (OMS) para reduzir os grandes malefícios do fumo sobre a saúde das pessoas. Este ano, o alvo das atividades desse dia de mobilização são dois dos principais canais de persuasão da indústria do tabaco: os filmes e a moda.Se o fumo aparenta ser másculo ou feminino, sofisticado ou rústico, sensual ou esportivo, isso se deve ao marketing em torno do produto. A indústria tabagista sabe muito bem dos efeitos de estratégias de construção de imagem e investe expressivamente. Das cores da embalagem às competições esportivas nas quais atletas estampam marcas do fumo, sem esquecer das roupas e acessórios da moda associadas a nomes de produtos do tabaco; e ainda pessoas famosas que aparecem em público utilizando, glamourosamente, cigarros e assemelhados - tudo isso demonstra que vender o tabaco significa criar uma imagem.
.
* Dizer «não» ao tabaco. As doenças associadas ao tabaco causam anualmente a morte de
650 000 pessoas. A União Europeia lançou, por conseguinte, uma vasta luta contra o tabaco, visando todos as faixas etárias e mais particularmente a faixa dos 15-34 anos. Um elemento central desta campanha de sensibilização é a iniciativaHelp - Por uma vida sem tabaco, uma das maiores acções de sensibilização pública de sempre.

.
.
.
http://www.cigarro.med.br/

.

4 comentários:

O Sibarita disse...

Eita mulher retada meu Deus!

Sylvia, não preciso tecer comentários não! Sua postagem por si só fala e fala muito!

É isso...

bjs
O Sibarita

prafrente disse...

Sylvia, sabe o que é que eu acho estranho? É que a OMS decretou o estado de pandemia por causa do H1N1 quando ainda só morreu pouco mais de uma centena de pessoas.Porque não decreta pandemia tabágica quando o tabaco mata toda essa gente que você falou? Aqui em Portugal, há algum tempo atrás, um investigador veio declarar ter encontrado vestígio de um fungicida cancerigeno utilizado no tratamento de determinada marca de tabaco.Logo essa marca baixou suas vendas. Eu acho confusa esta reacção pois TODO o tabaco é susceptivel de provocar o cancro. Também muitos fumadores compram uma bolsa para colocar o tabaco lá dentro e assim já não não os incomoda as palavras terriveis "FUMAR MATA".
Realmente não é fácil compreender a mente humana.
Seu artigo está excelente mas duvido que leve alguém a deixar de fumar.Há razões sociológicas e picológicas que condicionam a percepção da perigosidade do tabaco. Mesmo que a razão reclame a emoção fala sempre mais alto.Se o amor é cego, o fumador além de cego também é surdo...

beijo de Portugal

Movimento Natureza disse...

Pois é e mesmo assim o povo fuma, que fuma.

Estamos discutindo algo muito serio no blog e seria legal se você pudesse participar também.

Um abraco

Efigênia Coutinho disse...

Sylvia, ESTE SEU POST É ASSUSTADOR, EU FIQUEI ARREPIADA...

SAUDADES,
EFIGÊNIA COUTINHO